23.10.09

Lili Caneças fuma da boa!

A mais famosa de todas as tias, aquela que já foi apelidada de "super-tia" não pára de me surpreender.

Em declarações ao jornal "i", Lili Caneças refere que conheceu Roman Polanski e explica como travaram conhecimento...

«Como conheceu Roman Polanski?
Estava no carnaval do Rio de Janeiro e fui a uma das festas no Golden Room, do Copacabana Palace. Mesmo atrás da minha mesa estavam o Roman Polanski e o Jack Nicholson.

Falou com eles?
Tinha acabado de ver o "Rosemarys Baby" e comentei com o Polanski que tinha amado o filme. Falámos imenso de cinema até que ele me convidou para dançar. Perguntei ao meu marido se podia e ele só disse: "Não vais dançar com esse pervertido." Já na altura ele tinha a fama de ser um homem devasso.

E depois?
Ele ficou a olhar para mim. Nunca devia ter recebido uma tampa daquelas na vida. Mas depois fui à casa de banho por entre a multidão. Estava vestida de cigana e era loura, fácil de distinguir no meio de tanta gente. Quando saí dos lavabos ele estava à minha espera e pregou-me um beijo na boca. Dei uma gargalhada - nunca me tinham feito nada assim - e ele disse: "At least I kissed you." Ninguém viu e até hoje o meu ex-marido não sabe. Depois voltei para a minha mesa e nunca mais lhe falei, apesar de trocarmos uns olhares. O Nicholson também fazia uns olhares ordinaríssimos, estava com uma camisa havaiana vestida.»


O mínimo que esta senhora podia fazer era dizer-nos o que fuma e onde compra... confesso que gostava de experimentar!



*Ricky*

1 comment:

Alexandre Vilarinho said...

Acredito na senhora, sim. Agora, se ela contar a mesma história mas os protagonistas forem o Brad Pitt e o George Clooney... Ai sim, culpo as drogas que ela tem que tomar para não ter dores na cara...